mini-bands-tipos
Categories:

Mini Band – Tudo que você precisa saber sobre o elástico!

Com o incentivo para o isolamento social, muita gente passou a malhar em casa. Mas, para ter sucesso nos treinos é preciso ter os acessórios corretos. As faixas elásticas para malhar se popularizaram muito. Principalmente, a mini band e seus kits com diferentes resistências. Então, se você ainda tem dúvidas sobre o acessório, descubra tudo que você precisar saber sobre a mini band.

Os nomes das faixas elásticas costumam ser bem parecidos. É mini band, super band, thera band e por ai vai… Mas cada um deles tem suas particularidades. No caso da mini band é sua medida. Como o próprio nome diz, normalmente, essas bandas tem uma circunferência menor. Então, a amplitude do movimento fica também menor, o que é muito bom para trabalhar força e resistência.

Apesar dessa característica em comum, mesmo entre as mini bands há diferenças. Seja o material, a espessura ou o modelo, há algumas variações entre as bandas elásticas. Por isso, antes de escolher qualquer modelo, é melhor entender exatamente para que cada um deles serve e como usá-lo.

como-escolher-band

Então, neste post, selecionamos as informações mais importantes sobre a mini band. Dessa forma, você entenderá qual é a opção mais de acordo com suas expectativas e objetivos. Além disso, também falaremos sobre quais exercícios fazer, quais são as diferentes resistências e os benefícios, veja!

O que é uma mini band?

A formas mais fácil de definir esse acessório é: um elástico para malhar. Assim como outros modelos, a mini band é uma banda elástica. Apesar disso, ela pode ser ser feita de diferentes materiais. Mas, é fundamental que esse material tenha elasticidade suficiente para permitir a execução de movimentos.

Outra característica indispensável desse tipo de elástico é o formato circular.

Então, todas as mini bands, independente da variação de

material e espessura, têm formato circular.

 

Existem outros tipos de faixas elásticas para malhar que não são circulares, como as Thera bands. Elas são apenas faixas abertas, que servem para outras finalidades.

Para que serve a mini band?

A mini band serve para aumentar a força e resistência durante os exercícios físico para os principais grupos musculares. Assim como, os halteres e caneleiras são cargas para aumentar o estímulo muscular durante os treinos, as mini bands também aumenta o grau de dificuldade de alguns exercícios.

elastico-para-exercicio

Então, basicamente, essa faixa elástica circular é ótima para malhar perna, braços, ombros e até mesmo abdômen. Ao passar o elástico pelo corpo e fazer para alguma região específica, você se esforça mais e com isso desenvolve mais seus músculos, além de queimar muitas calorias.

Intensidades da faixa elástica

Uma das características mais legais dos elásticos para malhar, inclusive das mini bands, é a variação de intensidades. Isso significa que existem um elástico certo para cada nível. Portanto, se você é iniciante, os elásticos leves estimularão esforço na medida certa. Assim como, os mais fortes também estimulam os mais avançados.

Por isso, é super importante escolher a intensidade correta de acordo com seu nível. Outra opção é apostar no kit de mini bands, porque o custo sai menor e você terá mais opções de resistências.

Esses níveis costumam ser diferenciados através da cor do elástico. Então, é por esse motivo que normalmente os kits de bands são bastante coloridos. Afinal, cada uma das cores representa um nível de resistência.

Leve

Esse nível é ótimo para quem está começando a malhar com elásticos e não tem muita rotina de exercícios. Isso porque eles são mais fáceis de usar, porque exigem um esforço bem modesto. Então, mesmo iniciantes conseguem fazer os movimentos de forma tranquila. Esse nível também costuma fazer parte de programas de fisioterapia e reabilitação.

Média

Quando a band tem uma resistência média, o esforço ao realizar movimentos já é mais perceptível. Mas ainda assim, não é algo que exige muito do praticante. Por isso, esse nível é adequado para quem já tem alguma rotina de exercícios, mas ainda não treinou com a band.

Forte

A mini band forte é perfeita para quem quer desenvolver o fortalecimento muscular de diferentes partes do corpo. Essa resistência é mais pegada! Então, ela é melhor para quem já tem costume de treinar com alguma carga.

Extra forte

Quando uma mini band é extra forte, ela apresenta uma resistência bem maior do que as anteriores. Por isso, essa opção é perfeita para quem quer malhar com mais intensidade. Ou seja, se está fácil fazer exercícios com a band forte, é a hora subir um nível!

Quais são os tipos de mini band?

Apesar da versão simples ser a mais clássica e também popular, ela não é a única. Inclusive, há diferentes tipos de mini bands, que são conhecidas por outros nomes.

Porém, mesmo com suas peculiaridades, todas as versões do elástico cumprem o mesmo objetivo: promover o fortalecimento dos músculos. Conheça os modelos da mini banda elástica:

Mini band simples

Feita de borracha natural, a mini band simples é a mais popular da sua categoria. Ela tem espessuras que variam de 0,45 mm à 0,90 mm, dependendo da sua resistência.

kit-de-mini-band

Suas medidas principais, independente do nível, são: 52cm de circunferência e largura de 5cm. Como é feito de látex resistente, ela permite movimentos contínuos e com boa amplitude, dentro dos seus limites.

Mais resistente – Super mini band

As super mini bands tem um plus: a espessura é muito maior do que dos modelos simples. Por isso, elas também são mais “pesadas” na hora de malhar. Ou seja, você vai precisar fazer mais força para realizar os movimentos.

Diferentes da clássica, a largura da super mini band varia de acordo com seu nível. Por isso, o elástico leve vai ter uma largura mais fina que a forte. Um ponto super positivo dessa band é que por ter uma espessura mais grossa, ela pode ser esticada até o dobro do tamanho da circunferência original.

super-mini-band

Ótima durabilidade –  Mini band de tecido

Apesar de também ser conhecida como hip band, esse modelo de tecido também é uma mini banda elástica. Seu principal diferencial é, justamente, o material. Enquanto as outras bands são de borracha, essa é de tecido poliéster, elastano com látex. Isso garante uma durabilidade maior do elástico. Afinal, ele vai ter mais resistência por ter tecido em sua composição.

mini-band-de-tecido

Além disso, a mini band de poliéster e elastano adere bem ao corpo e não enrola. Por isso, para algumas pessoas ela pode ser uma opção muito mair confortável para malhar. Mesmo dentro desse tipo há algumas diferenças. Existem as mini bands de tecido com diferentes circunferências, de pequena à grande. E, também tem o modelo com mesma circunferência que se ajusta ao exercício.

Como escolher a mini band certa?

Antes de escolher uma mini band, é preciso refletir sobre quais são seus objetivos. Então, após isso você deve escolher a band com base em alguns critérios principais como: espessura, material e tamanho. Também, é importante avaliar o custo benefício do acessório que deseja e se a opção circular está realmente de acordo com suas próprias expectativas.

Mini band serve para hipertrofia?

Apesar de parecer um acessório muito simples, a mini band é poderosa! Um único elástico é capaz contribuir para o processo de hipertrofia. Isso porque a band estimula o esforço do musculo. Portanto, ao malhar com constância e combinar os exercícios com alimentação saudável é possível ter ótimos ganhos de massa magra usando o elástico em treinos em casa mesmo!

exercicios-com-mini-band

Exercícios com mini band

Basicamente, dá para malhar o corpo inteirinho com as mini bands. O elástico é muito versátil, por isso pode fazer parte de muitos tipos de exercícios. Inclusive, dos mais famosos e eficientes para fortalecimento e emagrecimento.

Sendo assim, o elástico serve para potencializar agachamentos, afundo, rosca direta, remada, tríceps. Aprenda a fazer exercícios com mini band no vídeo abaixo:

Vale a pena comprar kit de mini bands?

É bem comum encontrar kits com mais de uma band. Esses kits podem valer muito a pena, porque eles trazem uma melhor relação de custo benefício. Além disso, quem treina com elásticos busca uma evolução ao longo do tempo. Então, nada melhor que ter opções para progredir.

Como conservar a mini band?

Apesar da ampliação do uso do álcool não se recomenda limpar a band dessa forma. Por isso, o melhor é higienizar as faixas apenas com água e sabão neutro. Além disso, é importante guardar as bands em local apropriado e enroladas da maneira correta. E, vale dizer, não se pode esticar as bands mais que o dobro do seu tamanho original. Isso acaba colocando a integridade do produto em risco.

Benefícios da band

Se você chegou até aqui é porque tem realmente interesse de ter uma band. Além de tudo que explicamos, há também alguns benefícios do acessório que vale a pena destacar:

  • Fácil de usar
  • Perfeita pra treinos em casa
  • Versatilidade de exercícios
  • Trabalha diversas habilidades
  • Compacta e fácil de guardar
  • Acessório de valor acessível
  • Fortalece o corpo todo

Agora você está por dentro de TUDO que é preciso saber antes de comprar. Então, avalie seu nível, verifique as opções de produtos disponíveis e bora malhar com um dos melhores acessórios para treinar em casa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *